sábado, junho 29, 2013

Tá faltando amor - Pedro Melo

Tá faltando amor
tá faltando inspiração
tá faltando gesto de amizade
provas reais de liberdade
e mais um pouco de atenção

tá sobrando correria
e também cansaço e solidão
e o que fica é essa saudade
pedindo esmola por coragem
de uma nova reação

pois o tempo está indo embora
em casos cotidianos do agora
neste mundo cego de tanto ver
a humanidade perdida sem saber

máquinas ligadas
o sistema falido
e a identidade escrava
à procura de abrigo

descobrimos quase enganados
mentiras atrasando a geração
em dias sem futuro nem passado
ameaçando os sonhos da nação

corações parados
vaidade agora faz sentido
e a esperança virou refém
de vagos motivos

nosso destino foi vendido
mais barato do que pão
e as nossas vidas traídas
com migalhas de ilusão

e ainda estou aqui sozinho
traduzindo a novidade
sem prova de carinho
ou um gesto de amizade

mas tudo  bem
vou acender um cigarro
só preciso de um trago
e mais um pouco de atenção. 


Letra sendo musicada.

Um comentário:

Marcella gonçalves disse...

Sempre faltando..
a máquina do tempo nos engolindo
lágrimas de sangue despejamos...
falsas promessas de cura....
o cigarro nunca foi o problema
a morte nunca existiu...
querendo um fim... ficamos asfixiados
na embriaguez da solidão....
chorando vendo mendigos caídos...
levando tombos.. sendo roubada...
a cada poema... que encontrava sem querer...
fui sendo batida.... Eu batendo em mim mesma...
não pode ser... isto não pode existir.....
a traição... ví minhas promessas de melhora
a cada dia se tornarem ondas vermelhas....
me tornei dor... minhas 4 mães.... eu mãe de todos... não queria .... sempre desconfiando de algo errado....
Sabia... pq sabia/// igual hoje sei.... sei o peso do nada... total desilusão... minha tela mental bloqueada.... não entendo a tortura... mas se ela é so pode ser pro bem... o inferno não é lugar de ninguém... é festa de fenômenos...